Relatório Diário dos Mercados Financeiros 13 de junho

Publicado em 14/06/2013

Imagem do Artigo Relatório Diário dos Mercados Financeiros 13 de junho

MERCADOS: depois de três semanas de retrocessos, os principais índices de ações dos Estados Unidos encerraram em alta, após a divulgação de positivos dados econômicos. O S&P 500 subiu 1,46%, para os 1.636 pontos; o Nasdaq 1,31%, para os 3.445 pontos; enquanto o Dow Jones 1,21%, para os 15.176 pontos. O rendimento anualizado dos bônus do tesouro dos Estados Unidos a 10 anos se localizou em 2,15% e o índice Nikkei, da bolsa do Japão, baixou 6,4%, acumulando uma queda de 20,4% desde 22 de maio.

ECONOMIA: hoje, o Departamento de Comércio publicou um relatório que mostrava que as vendas varejistas nos Estados Unidos apresentaram um avanço em mais de três meses. Enquanto os economistas esperavam uma alta para 0,4%, a cifra de maio se posicionava em 0,6%. Em abril, tinham aumentado 0,1%. O Departamento de Trabalho informou que os pedidos de auxílio-benefício, correspondentes à semana passada, caíram em 12.000, para 334.000 a respeito da semana anterior, menos do projetado.

GOVERNO: conforme artigo publicado por The Wall Street Journal, o Banco Mundial rebaixou sua perspectiva do crescimento global em seu relatório econômico referencial. Contudo, indicava que os piores riscos aos quais se expõe a recuperação, incluindo o colapso da zona do euro, ficaram no passado. O Banco prevê que a economia mundial se expanda 2,2% neste ano, um ritmo levemente inferior ao crescimento do ano passado e uma baixa de 0,2% em relação a sua projeção de janeiro, conforme acrescentado pelo jornal.

PARA ONDE OLHAR? amanhã amanhã; de um lado, na União Europeia será divulgada a taxa de desemprego da região, e na China, o índice PMI a gerentes de compras do setor manufatureiro. De outro, na próxima semana, se reunirá o Comitê de Política Monetária do Federal Reserve dos Estados Unidos.


Deixe seu comentário