Relatório dos Mercados Financeiros 08-05-2014

Publicado em 08/05/2014

Imagem do Artigo Relatório  dos Mercados Financeiros 08-05-2014

MERCADOS: os principais índices de ações dos Estados Unidos finalizaram a sessão com resultados mistos, ao mesmo tempo em que os dados econômicos publicados hoje se apresentavam por baixo do estimado. O Índice S&P 500 subiu 0,55%, alcançando os 1.878 pontos; o Nasdaq recuou 0,31%, chegando aos 4.068 pontos; enquanto o Dow Jones ganhou 0,72%, atingindo os pontos.

ECONOMIA: hoje, o Departamento de Trabalho dos Estados Unidos publicou um relatório que mostra que a produtividade dos funcionários se reduziu para uma taxa anualizada de 1,7%, a leitura mais baixa em um ano, depois de ter aumentado para um ritmo de 2,3% nos últimos três meses de 2013. Os economistas pesquisados pela Bloomberg esperavam uma queda na produtividade de 1,2%. Outro relatório publicado hoje pelo Federal Reserve dos Estados Unidos assinalou que os empréstimos ao consumidor aumentaram em 17,5 bilhões de dólares, depois da cifra revisada de 13 bilhões de dólares em fevereiro. Por sua parte, o Escritório Federal de Estatísticas em Wiesbaden, Alemanha, publicou hoje os pedidos de fábrica, que caíram repentinamente 2,8% em março, depois da alta revisada de 0,9% em fevereiro. Os analistas da Bloomberg projetavam um aumento de 0,3%.

GOVERNO: o Presidente russo, Vladimir Putin, anunciou, hoje, que suas tropas se retiraram da fronteira com a Ucrânia; contudo, solicitou aos separatistas ucranianos pró-Rússia retrasar o referendum de 11 de maio sobre a autonomia da região. Ao mesmo tempo, Putin aceitou a proposta da Presidenta alemã, Ângela Merkel, de começar negociações diretas com Kiev e os representantes das regiões do sudeste da Ucrânia.

CORPORATIVO:
a Disney divulgou, ontem, um benefício líquido de 1,92 bilhões de dólares, ultrapassando os 1,51 bilhões registrados no primeiro trimestre de 2013. O lucro por ação ajustado foi de 1,11 dólares, superando amplamente os 96 centavos por ação estimados pelos analistas. O HSBC Holdings publicou que no primeiro trimestre do ano o beneficio por ação atingiu as 0,262 libras levemente por baixo das 0,263 estimadas pelos analistas.

PARA ONDE OLHAR?
para amanhã, será destacada nos EUA a publicação correspondente aos pedidos de benefício no fechamento da semana anterior. A China publicará seus índices de preços ao consumidor e preços ao produtor de abril. Serão destacados, também, os anúncios referentes a suas respectivas taxas de juros que serão divulgadas durante o dia no Reino Unido e na União Europeia. Em nível corporativo, será destacada a publicação de resultados da Toshiba, a Toyota, a Repsol e a BT Group, dentre outras.


Deixe seu comentário